ÚLTIMAS NOTÍCIAS

TJ-RS nega recursos dos condenados pela morte de Bernardo Boldrini


Os recursos dos quatro condenados pela morte de Bernardo Boldrini foram negados, nesta quinta-feira (20), por maioria de votos, em julgamento da 1ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do RS.


Leandro Boldrini, pai do menino, Graciele Ugulini, madrasta, e os irmãos Edelvânia e Evandro Wirganovicz foram condenados em março de 2019, durante julgamento que durou uma semana, na Comarca de Três Passos.


O advogado de Leandro, Rodrigo Grecellé, informou que ainda não teve acesso ao resultado do julgamento de quinta-feira (19), e que só depois disso analisará a possibilidade de um novo recurso.


O advogado de Evandro, Luís Geraldo Gomes Dos Santos, informou que também não teve acesso aos votos, e só irá se manifestar oficialmente sobre o caso após a leitura dos mesmos. "De qualquer forma, adianto que o Evandro irá recorrer da decisão, pois é inocente de toda e qualquer acusação", destacou.


Bernardo, que tinha 11 anos, foi morto em abril de 2014, em Frederico Westphalen. Os quatro foram condenados por homicídio qualificado e ocultação de cadáver.


De acordo com a denúncia do Ministério Público, Graciele ministrou o remédio Midazolan, com ajuda de Edelvânia. O menino morreu devido à dosagem, e foi enterrado pelas duas. Leandro foi apontado como mentor e Evandro, como cúmplice.


Os votos ainda não foram divulgados, mas o placar de votos foi 2 a 1. A sessão de julgamento foi virtual.


Leandro e os irmãos Wirganovicz pediram a anulação do júri e a realização de um novo julgamento. A defesa de Graciele confirmou que também recorreu, mas não informou o pedido da apelação.

  • Leandro Boldrini, 33 anos e 8 meses

  • Graciele Ugulini, 34 anos e 7 meses

  • Edelvania Wirganovicz, 22 anos e 10 meses

  • Evandro Wirganovicz, 9 anos e 6 meses

Leandro, Graciele e Edelvânia estão em regime fechado. Evandro conseguiu progredir para a liberdade condicional.


Preso desde a época do crime e condenado a semi-aberto, ele atingiu o tempo necessário para sair da cadeia em 15 de março do ano passado.


Fonte: G1 RS

VEJA TAMBÉM

1212.png
  • Branco Facebook Ícone
  • Branca Ícone Instagram
  • Branca Ícone Spotify

Radio Sideral Ltda. © Copyright 2020. Desenvolvido por Produuza Web