ÚLTIMAS NOTÍCIAS

1/1

RGE investe R$ 13,2 milhões na rede elétrica que atende Getúlio Vargas, Erebango, Estação e Ipiranga

Ampliação da subestação, construção de novos circuitos e instalação de equipamentos de alta tecnologia beneficiam mais de 12 mil clientes nos quatro municípios

As comunidades de Getúlio Vargas, Erebango, Estação e Ipiranga do Sul receberam neste mês a obra de ampliação da Subestação de Getúlio Vargas. Trata-se de uma obra de grande porte, executada pela RGE, foi concluída neste mês de março e representa significativa mudança para melhor no fornecimento de energia elétrica aos 12,2 mil clientes atendidos pela distribuidora nos três municípios. “Aumentamos em 40% o volume de energia disponível e melhoramos a rede de distribuição, proporcionando mais qualidade no serviço prestado aos nossos clientes, que é o objetivo principal da RGE”, comemora o Diretor-Presidente da concessionária, Marco Antônio Villela de Abreu.


A RGE investiu R$ 13,2 milhões na ampliação da Subestação Getúlio Vargas, construção e reconstrução de circuitos de média e baixa tensão e instalação de equipamentos de alta tecnologia.


A Consultora de Negócios na região, Eliana Bortolon, lembra que a obra teve duração de dois anos, o que dá uma ideia do tamanho do investimento. “Esse foi o tempo necessário para que tudo fosse feito com qualidade. Sabemos que houve alguns desconfortos à população, como ocorre sempre num trabalho como esse, mas certamente todos reconhecem a importância das melhorias.”


Saiba o que foi feito


A principal parte de todo o complexo de obras foi a ampliação da Subestação, com a instalação de um novo transformador de 12,5 MVA e substituição do transformador que já existia por um novo. Ainda na Subestação foram implantados dois módulos alimentadores de 15 kV, trocados disjuntores e sistema de proteção, construída uma nova casa de comando e executadas melhorias na infraestrutura geral.


A ampliação de uma subestação significa mais energia disponível para atender a necessidade de futuras demandas. As redes de distribuição de média tensão também foram preparadas para atender a essa futura necessidade.


Confira a seguir as demais obras executadas pela RGE

  • Construção de dois novos alimentadores (circuitos que levam energia em média tensão para as redes de baixa tensão);

  • Construção e reconstrução de 2,5 km de rede compacta, o que há de mais moderno em circuitos para distribuição de energia;

  • Instalação de sete conjuntos de chave faca, que permitirão novas opções de manobras entre os alimentadores desta SE;

  • Instalação de um banco de capacitores, contribuindo para qualidade de energia na região;

  • Instalação de um religador telecomandado, equipamento que permite religar a energia de forma remota, a partir do Centro de Operações da RGE, nos casos em que a interrupção ocorre sem danos físicos na rede.

Além do aumento na oferta de energia destacado pelo Diretor-Presidente da RGE, a ampliação da subestação permite um redimensionamento de cargas entre os circuitos alimentadores que abastecem os quatro municípios. A obra de ampliação impacta positivamente no crescimento da demanda por energia elétrica em virtude do desenvolvimento econômico e social, bem como em situações críticas, como temporais, por exemplo. Na rede de distribuição, a construção de dois novos alimentadores e a instalação de equipamentos de manobras permitirão novas opções de manobras. “É uma nova configuração da rede que atende a esses clientes. Qualificamos a operação do sistema com equipamentos de alta tecnologia, mas, principalmente, reduzimos os riscos de interrupção e eventuais dificuldades de atendimento a novas cargas. Isso nos orgulha muito, pois representa a satisfação do nosso cliente”, conclui Villela.


Fonte: Imprensa RGE

VEJA TAMBÉM

1212.png
  • Branco Facebook Ícone
  • Branca Ícone Instagram
  • Branca Ícone Spotify

Radio Sideral Ltda. © Copyright 2020. Desenvolvido por Produuza Web