ÚLTIMAS NOTÍCIAS

1/1

Hospitais devem informar número de profissionais afastados por Covid-19


A Secretaria da Saúde (SES) orienta os hospitais do Rio Grande do Sul, por meio de nota informativa publicada nesta terça-feira (9/3), a comunicarem o número de profissionais afastados por suspeita ou confirmação de Covid-19.


Os dados serão utilizados pela Divisão de Vigilância em Saúde do Trabalhador (DVST) do Centro Estadual de Vigilância em Saúde (Cevs) para verificação e planejamento de ações de prevenção e controle da disseminação de coronavírus nas dependências das instituições hospitalares.


Para isso, é necessário que os hospitais façam o preenchimento semanal de um formulário eletrônico disponibilizado pelo Cevs. “A partir do controle e monitoramento dos casos, será possível planejar as ações de prevenção do coronavírus nos serviços de saúde de forma mais qualificada”, afirma a diretora do Cevs, Cynthia Molina-Bastos.


Para envio dos dados, o notificador deve informar inicialmente o número do Cadastro Nacional de Estabelecimento de Saúde (CNES) do hospital e depois quantos são os profissionais técnicos, auxiliares em enfermagem, enfermeiros(as), médicos, profissionais da higienização, profissionais de outras ocupações e, por fim, o número total de trabalhadores próprios e terceirizados do hospital.


Também é preciso que seja notificado o número de casos suspeitos e confirmados de Covid-19 que estiveram afastados na semana epidemiológica anterior.


Outro ponto importante é a informação de quando houver fechamento, na semana epidemiológica anterior, de alguma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do hospital em função de surto de Covid-19 entre os trabalhadores.


Além desses itens, outros apontamentos mais detalhados constam no formulário, como início dos sintomas e há quanto tempo a pessoa recebeu vacina contra a Covid-19.


Clique aqui e acesse a Nota Informativa 01 - DVST/Cevs.


Texto: Ascom SES

VEJA TAMBÉM