ÚLTIMAS NOTÍCIAS

1/1

Erechim encaminha projeto para aquisição de vacinas contra a Covid-19 e terá mais seis leitos de UTI


O prefeito de Erechim, cidade a cerca de 30km de Getúlio Vargas e principal referência no atendimento aos pacientes que precisam ficar internados em leitos de UTI por causa da Covid-19, Paulo Polis, encaminhou na manhã desta quinta-feira (4), à Câmara Municipal, Projeto de Lei que autoriza o município a adquirir vacinas para imunizar a população no enfrentamento da pandemia da Covid-19. As vacinas poderão ser adquiridas através da Frente Nacional de Prefeitos (FNP), ou através da Famurs.


Polis disse que, a partir da aprovação do projeto, que deve entrar na pauta de votação do Legislativo na próxima segunda-feira (8), a prefeitura fica autorizada a adquirir vacinas contra o coronavírus, na hipótese de insuficiência de recursos prestados pelos demais entes federados, inclusive quanto ao Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação. “Nós temos, numa primeira etapa, R$ 5 milhões para adquirir vacinas e isso deve ocorrer caso a União e Estado não garantam a cobertura imunológica suficiente contra a doença”, observa. Polis afirma que é preciso agir e que não tem outra alternativa para controlar o vírus, que não seja a vacinação da população. “O governo federal poderia se organizar melhor a fim de conseguir rapidamente mais vacinas e além disso esperamos que o Governo do Estado também faça a aquisição imediata de vacinas”, afirma.


Segundo Polis, a aprovação é de suma importância para viabilizar a compra de imunizantes pelo município. “Devemos e vamos respeitar o Plano Nacional de Imunização, mas precisamos da aprovação desse Projeto de Lei pelos vereadores, pois se for o caso de intervenção do município na aquisição de doses de vacinas contra a Covid, temos embasamento legal para adquirir o imunizante com dotações orçamentárias próprias, suplementadas”, afirma.


O prefeito de Erechim informou, ainda, que serão implantados mais seis leitos de UTI no Hospital Santa Terezinha. Com isso, o total de leitos UTI passará de 18 para 24. “Além disso, nesta quinta-feira (4), entra em funcionamento uma nova ala com 50 leitos clínicos para atender pessoas afetadas pelo Covid-19”. Paulo Polis informou, também, que as UTIs e alas de leitos clínicos dos hospitais Santa Terezinha e Caridade estão lotados.


Fonte: Correio do Povo

VEJA TAMBÉM