ÚLTIMAS NOTÍCIAS

1/1

Comitê Regional de Atenção ao coronavírus da AMAU realiza reunião extraordinária na terça (18)


Na manhã desta terça-feira, 18, o Comitê Regional de Atenção ao Coronavírus da AMAU realizou reunião em caráter extraordinário para analisar o cenário da epidemia do novo coronavírus da R16. Os dados epidemiológicos apontam 1.028 casos ativos, segundo o boletim de segunda-feira (17) revelando, ainda, pequeno crescimento no número de internações em decorrência da Covid no hospital de referência SUS e nos hospitais regionais que disponibilizam leitos clínicos para assistência à Covid. São 13 pacientes internados, sendo dois em leitos de UTI e 11 em leitos clínicos, no Hospital Santa Terezinha e nos hospitais regionais.


Preocupação


Os membros do colegiado se mostraram preocupados com o quadro, considerando o número expressivo de casos dado ao alto potencial de transmissibilidade da nova cepa. Por essa razão, reforçam a importância da imunização e das medidas protetivas, como álcool 70 e uso de máscara de proteção individual, entre outros.


A importância da vacinação das crianças


O grupo também chama a atenção para o início da campanha de imunização do público alvo de 5 a 11 anos - faixa etária descoberta da vacinação e que vem, pelos relatos das autoridades de saúde, contraindo a Covid e levando para o ambiente familiar. “Por isso a importância de imunização nas crianças, já que o imunizante diminui a chance expressivamente de contrair e adoecer, como também de transmissão”, pontua o membro do Comitê, Jackson Arpini.


Atenção às equipes de saúde


Outra preocupação é com a possibilidade, dado ao alto poder de transmissão, de contaminação das equipes de saúde, o que pode comprometer o atendimento à população.

“O momento requer novamente uma atenção acentuada, por uma série de fatores como aumento considerado por testagem, números crescentes, aumento das internações e pelo relato da situação que está correndo na Europa e Estados Unidos”, frisa Arpini – para quem é necessária a atenção da comunidade, a fim de que possamos transpor esse novo episódio”.

Os membros do colegiado que estão monitorando o cenário regional desde março de 2020, chamam a atenção para a relevância da imunização e das medidas preconizadas, considerando que os indicadores momentâneos exigem uma nova ação coletiva.



VEJA TAMBÉM