ÚLTIMAS NOTÍCIAS

1/1

Apesar de ter distribuído 100 milhões de doses de vacina contra covid, Brasil aplicou menos de 70mi


O Ministério da Saúde anunciou hoje que distribuiu 100 milhões de doses de vacina contra a covid-19. O dado, entretanto, não se reflete no número de vacinados: são 68.919.860 de vacinados com as duas doses desde janeiro.


Segundo a pasta, o número de vacinas distribuídas foi alcançado nesta manhã. Também foi informado que, em junho, serão entregues mais de 40 milhões de novas doses, superando o recorde de maio, quando 33 milhões de doses foram distribuídas aos municípios.


Apesar do número, a média diária de aplicação de doses em maio foi menor do que a de abril. Foram 662.600 por dia contra 822.300 no mês anterior, queda de cerca de 19%.


Em junho, ressalta o Ministério da Saúde, a Fiocruz inicia a produção nacional da AstraZeneca/Oxford. Outras 600 milhões de doses de vacinas estão previstas para chegar ao Brasil até o final de 2021.


"A quantidade é suficiente para imunizar toda a população acima de 18 anos de idade", informou em nota.


Para o ex-presidente da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) e médico sanitarista, Gonzalo Vecina Neto, falta coordenação nacional para que todos os municípios acompanhem o PNI (Plano Nacional de Imunização).


"Os municípios estão tendo que tomar decisão e é óbvio que uns tomam decisões corretas e outros tomam decisões absurdas. Estamos vivendo um clima de barata voa, uma balbúrdia federal por falta de governo federal e do Ministério da Saúde", disse Vecina.


Fonte: UOL

VEJA TAMBÉM