ÚLTIMAS NOTÍCIAS

1/1

Alto Uruguai receberá R$ 31 milhões em investimentos para pavimentação

“Estamos diante de uma obra estratégica que beneficiará, simultaneamente, quatro municípios da região. Isso é histórico e determinante para o desenvolvimento do Alto Uruguai”

Foi assim que o prefeito de Erechim e presidente da AMAU - Associação de Municípios do Alto Uruguai, Paulo Polis, definiu a assinatura dos convênios do Programa Avançar, realizada na tarde desta segunda-feira (24), no Salão Negrinho do Pastoreio, no Palácio Piratini, em Porto Alegre. Por meio da parceria, que integra o programa Avançar do governo do Estado, serão repassados cerca de R$ 31 milhões para acessos asfálticos.


O evento contou com a presença do governador Eduardo Leite, do secretário de Logística e Tranportes do RS, Juvir Costella, do diretor-geral do DAER, Luciano Faustino, assim como os prefeitos de Erechim, Paulo Polis; de Barra do Rio Azul, Marcelo Arruda; Itatiba do Sul, Valdemar Cibulski (Polaco); e do prefeito em exercício de Aratiba, Gelson Carbonera.


Saiba mais


Os recursos do governo do Estado serão repassados por meio do Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem (DAER).


Os recursos do Estado irão para Erechim, Barra do Rio Azul, Aratiba e Itatiba do Sul. Segundo o presidente da AMAU, prefeito Polis, uma conquista é histórica.


Obras


A assinatura dos convênios envolve três contratos da ligação da ERS 420 com Barra do Rio Azul, Erechim e Aratiba para pavimentar os 12,4 km que faltam, sendo que há trechos concluídos parcialmente, e com etapas em licitação. Dos R$ 16,2 milhões de investimentos, parte será do Estado e outro montante das prefeituras.


O outro contrato, fechando os quatro convênios do Alto Uruguai, diz respeito aos 6,3 km de ligação asfáltica entre Itatiba do Sul e Barra do Rio Azul. Dos R$ 14,5 milhões, R$ 13 milhões serão pagos com recursos estaduais e o restante será viabilizado via contrapartida dos municípios.


Conforme o prefeito de Barra do Rio Azul, Marcelo Arruda, o dia é de alegria e esperança.

"Obras tão sonhadas estão saindo do papel. Nunca tivemos tantos recursos para levar desenvolvimento aos municípios. Com acesso asfáltico tudo fica melhor, com condições para morar e ser feliz”, disse.

VEJA TAMBÉM