ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Quase 70% das pessoas confirmadas com coronavírus já se recuperaram no RS


Agora, além do número de casos e mortes, secretaria da Saúde passa a divulgar os recuperados


O Rio Grande do Sul tem, até esta quarta-feira (22), 639 pacientes considerados recuperados de Covid-19, o que corresponde a 69,23% entre os casos confirmados. Outras 257 pessoas diagnosticadas com coronavírus (equivalente a 27,84%) ainda estão em acompanhamento. "Essa informação passa a constar, a partir de hoje, no nosso painel de controle e também é relevante para que possamos traçar nossas ações futuras", destacou o governador Eduardo Leite, em transmissão ao vivo. Os números somados chegam ao total de 923 casos contabilizados até esta quarta-feira, incluindo os 27 óbitos (ou 2,93% das confirmações). Considerada uma informação epidemiológica relevante, os dados de pacientes considerados recuperados passarão a constar no mapa da Covid-19 do Estado, que pode ser acessado neste link.


Ampliação da rede hospitalar


O Estado vem ampliando a rede hospitalar com a instalação de hospitais de campanha. Dos 497 municípios gaúchos, todos consultados pela Secretaria de Saúde, 148 já responderam. Destes, 16 afirmaram estar com hospitais de campanha prontos. As estruturas temporárias acrescentam, por enquanto, 699 leitos clínicos e 32 com respiradores à rede de saúde do Estado. No sábado pela manhã (18/4), o governador Eduardo Leite visitou o primeiro hospital de campanha montado em Canoas, na Região Metropolitana, que oferece 13 leitos clínicos e um de UTI. A secretária de Saúde, Arita Bergmann, solicitou que os municípios que implementaram esse tipo de estrutura informem o governo do Estado. Com o reforço dos hospitais de campanha e dos leitos de hospitais de pequeno porte – em torno de 1.660 –, que também terão orçamento específico, estima-se que o Rio Grande do Sul alcance um total de 6,7 mil leitos clínicos disponíveis para o tratamento de pacientes com coronavírus. "Temos de encaminhar essas informações ao Ministério da Saúde para que as prefeituras recebam o recurso equivalente à internação em hospitais de campanha", lembrou Arita. Mesmo com todos os apelos do governo do Estado, dez hospitais gaúchos ainda não completaram os registros acerca da taxa de ocupação, número de respiradores e de pacientes internados com suspeita ou confirmação de coronavírus. Os dados devem ser incluídos no Sistema de Monitoramento da Covid-19, da Secretaria Estadual da Saúde (SES). O preenchimento se tornou obrigatório no dia 9 de março. "A atualização constante de todos os hospitais é muito relevante para que tenhamos um controle das informações e, assim, darmos respostas adequadas e adaptarmos nosso sistema de distanciamento social controlado", reforçou o governador. Até o momento, 890 pacientes ocupam leitos de UTI Adulto no Estado, o que corresponde a uma taxa de ocupação de R$ 52,85%. Esses 890 pacientes estão internados por motivos diversos, não somente relacionados à Covid-19 ou a síndromes respiratórias. Desse total, há 114 pessoas internadas por Covid-19, sendo 62 em leitos de UTI e 52 em leitos clínicos.

VEJA TAMBÉM

1212.png
  • Branco Facebook Ícone
  • Branca Ícone Instagram
  • Branca Ícone Spotify

Radio Sideral Ltda. © Copyright 2020. Desenvolvido por Produuza Web