ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Ministério da Saúde compra mais 4,3 mil respiradores nacionais


Getúlio Vargas possui cinco respiradores prontos para serem utilizados em caso de necessidade

O Ministério da Saúde assinou mais um contrato para aquisição de ventiladores mecânicos produzidos no Brasil. A empresa Intermed Equipamento Médico Hospitalar vai fornecer 4,3 mil aparelhos, essenciais nas Unidades de Terapia Intensiva (UTI) que têm pacientes infectados com o novo coronavírus. A informação foi divulgada pelo secretário-executivo do Ministério da Saúde, João Gabbardo, durante entrevista coletiva.


O secretário lembra que os equipamentos são essenciais desde o início da emergência em saúde pública pela pandemia do coronavírus. E destaca que o mercado nacional tem se esforçado no momento em que as importações estão complicadas. Vamos acompanhar.


“Um item importante são os respiradores. Hoje, o Ministério da Saúde assinou contrato para aquisição de mais 4,5 mil respiradores com a Intermed. É o segundo contrato que o Ministério assina com a produção nacional, totalizando 11 mil ventiladores adquiridos para o enfrentamento da Covid-19”.


O primeiro contrato de aquisição com a empresa brasileira foi assinado na última semana,  com a MagnaMed, que se comprometeu a entregar 6,5 mil ventiladores mecânicos para Unidades de Terapia Intensiva de hospitais em todo o país.


No final de semana, o Governo do Brasil distribuiu outros 60 respiradores para três capitais que estavam precisando ampliar, com urgência, o número de leitos de UTI para atender doentes com Covid-19. Foram distribuídos 30 respiradores para Fortaleza, 20 para Manaus e 10 para Macapá. Esses equipamentos fazem parte dos pedidos administrativos às empresas exportadoras.


Gabbardo destaca que o ministério vem adotando ações necessárias para atender à emergência no país, como a instalação de novos leitos e o aparelhamento necessário.

“Nós temos, hoje, 55 mil leitos de Unidade de Tratamento Intensivo e estamos ampliando esse quantitativo. Estamos ampliando com mais, pelo menos, 15 mil respiradores, o que significa um terço de acréscimo de novos equipamentos. Temos ainda a possibilidade de fazer importações adicionais. Vamos tentar importar em torno de 10 mil a 15 mil respiradores. Se for possível, vamos acrescentar em torno de 30 mil respiradores, 30 mil leitos de UTI à capacidade existente hoje.”


O Brasil possui atualmente 65.411 respiradores pulmonares, dos quais  46.663 estão disponíveis no Sistema Único de Saúde (SUS). De acordo com a necessidade, estão sendo disponibilizados em todos os estados mais leitos com todo o aparelhamento necessário, como respiradores.


Para mais informações, acesse saude.gov.br/coronavirus

VEJA TAMBÉM

1212.png
  • Branco Facebook Ícone
  • Branca Ícone Instagram
  • Branca Ícone Spotify

Radio Sideral Ltda. © Copyright 2020. Desenvolvido por Produuza Web